Doce Amargo



Do amor que senti…

Já chorei e sofri, já me descabelei por sentir o que não cabia mais dentro de mim. Era uma necessidade de externar o sentimento que fica preso dentro da alma. Era de se pensar coisa que nunca mais acaba, mas um dia, a gente aprende que a vida é mais bela que aquele sentimento e que o amor é sim necessário, porém não é imprescindível. Com o passar do tempo aquela coisa arrebatadora vai se transformando em uma coisa sincera, singela, menos intensa e mais verdadeira até.
E me pego fazendo planos pra mim, sozinha mesmo, na solteirice feliz dos meus 22 anos. Planos que envolvem a minha plena felicidade, porque percebi que preciso antes ser feliz comigo mesma pra depois espalhar felicidade por aí.

Enfim, eu to aprendendo montes e montes de coisas com mudanças que ocorreram por aqui… infelizmente não posso detalhar tudo, mas doeu muito no momento e hoje dói bem menos.

No mais, o resto são os passos que deixamos por aí…

E galerê, pra vocês um carnaval bem divertido e feliz! =D

Anúncios

Trackbacks & Pingbacks

Comentários

  1. * Li says:

    Ai Nary! O tempo é nosso amigo, não tem jeito. As coisas, os sentimentos ficaram melhores, doem menos e tudo mais… e claro! Vamos crescendo e entendendo que primeiro nós nos gostamos para depois gostar de alguém!

    Te indiquei para um selinho no blog 😛

    beijooo, querida e ótimo Caranaval tb.

    | Responder Publicado 8 years, 5 months ago
  2. * Paulinha says:

    Just live your life… Teu post me lembrou essa música 🙂
    Mas é isso aí, bom carnaval pra ti, aproveite bastante.
    Beijos.

    | Responder Publicado 8 years, 5 months ago
  3. * Aline says:

    Estou há tanto tempo solteira que nem sei mais o que é não estar solteira. Já até esqueci o que é gostar muito de alguém. Amar nunca amei, mas acho que já me apaixonei.
    Com certeza é importante estar feliz consigo mesma pra conseguir espalhar felicidade. Bom, talvez seja isso que está faltando pra mim.

    | Responder Publicado 8 years, 4 months ago
  4. * Lud says:

    foi pensando nisso mesmo que eu mudei meu status. nao tava feliz comigo mesma, como eu podia tar feliz com alguém???
    mas agora eu e eu estamos nos acertando. e, depois disso, tudo entra no lugar né?
    beeijos.

    | Responder Publicado 8 years, 4 months ago
  5. * Isabele says:

    Nós devemos sempre ser os únicos responsáveis pela nossa felicidade. A decepção, nesse caso, é bem menor.

    Bjo grande!

    | Responder Publicado 8 years, 4 months ago
  6. * *Lusinha* says:

    Nada como o tempo para fazer doer menos, né?
    bjitos!

    | Responder Publicado 8 years, 4 months ago


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: